sábado, 23 de novembro de 2013

QUANTA GENTE!



No culto do domingo 17/11 à noite, quando vi todos os bancos da igreja ocupados mesmo sendo um feriado prolongado, pensei: "Nesta igreja temos cultos todos os domingos na parte da manhã, da tarde e da noite, com o mesmo tema e o mesmo pregador. Também temos o culto da 4a.feira à tarde, da 5a.feira à noite e o culto dos jovens no sábado à noite. Além disso temos o programa noturno para adolescentes nas 3a.feiras."  Temos ainda os cultos nas sete  igrejas filhas em Maringá e região, o que dá uma porção de gente a cada semana  buscando a Deus somente em nossa denominação! 

Cada uma dessas pessoas está buscando ouvir a Palavra de Deus por algum motivo diferente,  e por experiência sei que a grande maioria dos que frequentam uma igreja, procura viver uma vida que agrade a Deus em todas  as áreas de suas vidas, mesmo que tenha dificuldades em fazê-lo em algumas delas. Logo concluo que,  todos aqueles que frequentam  igrejas cristãs com o coração sincero são também bons cidadãos, e salvo raras exceções dentro do universo de cristãos,  são pessoas que não fazem  mal propositadamente ao seus semelhantes. 

E o  que seria de todo esse povo se não houvessem as igrejas?  E se a religião cristã fosse abolida da face da terra como desejam os ateus? Imaginei por alguns segundos ao ver tantas pessoas no culto, como seria o Brasil sem igreja alguma - nem católicas e nem evangélicas. Pensando assim, me perguntei: Qual seria o "freio" dessa gente toda contra a violência,  a corrupção,  a prostituição, o tráfico de drogas, a promiscuidade, etc.? Seria apenas a lei dos homens, a moral, os usos e costumes?    Isso não seria pouco demais? 

Para termos uma resposta, bastaria darmos uma olhada nos dados da população carcerária para vermos que as cadeias e presídios não comportam os presos que já temos e o judiciário mal  consegue dar conta dos milhares de processos acumulados. Ou então bastaria analisarmos os índices de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs),  o número de abortos, de adolescentes grávidas,  do crescimento do consumo e do tráfico de drogas, dos crimes por traição conjugal,  do crescimento do  homossexualismo (ainda não é crime falar sobre isso, Ok?),  dos inúmeros viciados em pornografia, etc. etc. etc.

Sem os valores cristãos e a obediência aos princípios divinos, qual seria o "freio" para  controlar o desejo de se obter satisfação sexual  por qualquer meio? Seria apenas a própria consciência das pessoas? As estatísticas da área da saúde? Qual seria o "freio" que coibiria o abuso de álcool ou de drogas? Novamente as estatística da área da saúde? As estatísticas de mortes em acidentes de trânsito? E quem é que impediria as pessoas de traírem seus cônjuges, de mentirem aos seus clientes, de torturarem psicologicamente seus filhos, de se vingarem de seus patrões? 

O mundo só não está pior do que está porque existe um ambiente sadio chamado Igreja, para onde as pessoas vão em busca de ânimo, de amigos, de consolo; um ambiente sadio que oferece a  possibilidade de uma vida nova e digna aos que desejam abandonar seus erros mas não conseguem sozinhos; um ambiente sadio onde crianças e jovens não só ouvem, mas interiorizam valores morais saudáveis e são incentivadas a colocá-los em prática  em sua família, na escola, na vizinhança, na faculdade e no trabalho; um ambiente onde as famílias se  reconciliam, onde nascem lindas e saudáveis amizades, onde o amor permeia os relacionamentos.   

Olhando para minha igreja cheia de pessoas naquele domingo de feriado,  percebi como é  bom para a sociedade termos tantas igrejas cristãs no mundo!  Se mais e mais igrejas, com uma sã doutrina  como a da nossa greja, pudessem surgir em cada esquina a cada dia, seria o mesmo que dizer que teriam suas portas fechadas a cada dia mais e mais cadeias, presídios, clínicas clandestinas de aborto,  hospitais psiquiátricos, centro de tratamentos de aidéticos, prostíbulos,  albergues para mães solteiras, abrigos para  crianças abandonadas   e tantas outras instituições destinadas a separar da sociedade, abrigar ou tratar os que viveram por conta própria sem se importar com Deus ou suas vítimas!

Louvo a Deus por cada igreja cristã desta terra, desde as  imensas igrejas até as chamadas  "portinhas de garagem". Todas elas, recebendo, acolhendo e cuidando com o amor de Deus aqueles que querem amá-lo  agradá-lo , adorá-lo  e serví-lo através de Jesus, nosso Senhor e nosso Salvador, que deu Sua própria vida para resgatar todas as pessoas que o aceitam como tal,  de uma vida sem Deus e dar a elas uma nova chance, uma vida digna, sadia e honrada, além, é claro da Vida Eterna ao lado do Pai!

Me senti maravilhada ao pensar que cada cristão que participa de uma  igreja, somado a outro e mais outro e mais outro, formam juntos um MONTÃO DE GENTE  que faz do mundo um lugar melhor para se viver! 

Nenhum comentário:

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DISTO:

Related Posts with Thumbnails