sábado, 21 de setembro de 2013

BLÁ BLÁ BLÁ

Na certa você já ouviu a expressão "Quando um burro fala o outro abaixa a orelha" ,  e na certa  deve saber também que muita gente não se toca e não pratica essa "instrução" !

Eu mesma aprendi que não é legal interromper os outros para contar algo  que me aconteceu ou expressar meu ponto de vista sobre o assunto,  depois que recebi "um toque" quando era jovem. Ficarmos calados, com a atenção concentrada no que outro está falando, exige certo esforço, especialmente para pessoas ansiosas como eu.

E não se trata de apenas esperar que o outro termine de falar, mas também de demonstrar interesse sincero pelo que outro diz. Isso é algo praticamente impossível para as pessoas "egoístas", que de modo geral, agem assim:

Quando alguém está empolgado contando algo, expressando seu pensamento, relatando algum episódio que presenciou,  o "egoísta" ou corta sua fala,  ou mal a pessoa termina sua frase trata logo de puxar a conversa para si:  "Ah, mas eu também passei por isso";  "Ah, sim, mas eu acho  isto e aquilo...";  "Você nem sabe o que me aconteceu! ....e blá, blá, blá...".  A outra pessoa que falava se vê obrigada a se calar  antes de concluir o que dizia ou  sem que o outro dê continuidade à sua fala.  

Pois é. As pessoas que não sabem ouvir e só  querem falar de si mesmas muitas vezes nem percebem que agem dessa forma.  Não se dão conta que ter esse comportamento  é o mesmo que dizer: "Não me interesso por tuas coisas"; "No "mundo" só existe EU, EU, e EU".  "Só me importo com  o que EU tenho para contar", "A minha experiência é bem mais legal que a tua", etc.

Quando nos relacionamos precisamos mostrar interesse pelo que as pessoas dizem ou pelo que sentem e podemos fazer isso  através de algumas perguntas ou comentários a respeito do que dizem,  estimulando-as a  compartilhar conosco seus pontos de vista e experiências!  

Quem sabe se ao ler este texto você não vai se observar e descobrir que  também é uma pessoa egoísta nesse aspecto? E se acaso descobrir que: "Sim, eu faço isso; eu  interrompo os outros para contar algo sobre mim;  eu sempre espero o outro terminar e começo a falar de mim mesmo" te convido a corrigir esse comportamento, como eu procurei corrigir o meu quando ainda jovem alguém observou esse hábito em mim. Garanto que você se tornará uma pessoa bem mais agradável para se bater um papo!  

Depois daquele "toque" que recebe comecei a me policiar e a dar mais atenção às pessoas quando estão falando e descobri  também que a Palavra de Deus diz algo a respeito de atitudes egoístas como essa:  "Nada façam por ambição egoísta ou por vaidade, mas humildemente considerem os outros superiores a si mesmos." Filipenses 2:3

Quem sabe agora a expressão sobre ficar calado quando o outro "burro fala" faça mais sentido, não é? As pessoas precisam praticar a arte - sim, é uma arte! - de dar  consideração ao que  o outro está falando. Isso é também dar-lhe valor! 

P.S.: A Bíblia é mesmo um manual de vida!   Nela estão instruções não só para que nós tenhamos uma vida  feliz, mas também para que façamos a vida dos outros mais feliz!

Nenhum comentário:

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DISTO:

Related Posts with Thumbnails