segunda-feira, 27 de maio de 2013

CADEIRAS NA CALÇADA


Era um domingo à tarde e um solzinho gostoso, daquele que só aparece no mês de maio, nos convidava para estar fora de casa. Fui até a calçada espiar a rua e vi crianças que brincavam e jovens que tomando tererê conversavam com amigos em cadeiras na calçada. 

Nem titubeei: voltei para dentro de casa e chamei meu marido para sentar-se comigo lá fora e curtirmos a tarde agradável sob o chorão que temos em frente de casa. 

Ele pegou duas cadeiras e nos sentamos ali, conversando sobre uma coisa e outra. Dentro de alguns minutos o casal da casa ao lado apareceu para "atrapalhar nosso sossego" como disseram eles. Logo os convidamos para pegarem cadeiras também e sentarem-se conosco a fim de "jogarmos um pouco de conversa fora", o que  prontamente  aceitaram! Conversa vai, conversa vem, e de repente vimos a senhora da frente atravessando a rua com seus netinhos para juntar-se a nós por uns momentos. Brincamos um pouco com as crianças, trocamos alguns comentários e  depois que eles se foram continuamos nosso papo. Como somos novos moradores no bairro eles nos contaram algumas  histórias da rua, falamos sobre diversas amenidades e combinamos de comer umas pizzas feitas por mim,   qualquer dia destes. 

 Sentar-se em cadeiras na calçada é um hábito que praticamente não existe mais, e por isso tendemos a nos sentirmos um  tanto quanto "cafona", antiquados, fazendo coisa de gente pouco "chique". Mas...e daí?  Sentar-se na calçada e fazer amizade com os vizinhos pode até ser antiquado nestes tempos de individualismo extremado, mas é uma excelente maneira de compartilharmos a vida!


Aceita uma sugestão? Na próxima tarde bonita de domingo experimente superar a timidez ou o preconceito e leve você também, cadeiras para a calçada!

Nenhum comentário:

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DISTO:

Related Posts with Thumbnails