quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Acordaaa!!!


Uma amiga me contou que em sua igreja não há um ministério  para os casais, apesar de ser uma igreja com mais de 70 anos e  com mais de 300 membros!! Que pena...estão dormindo no ponto, pensei.
_________________________________
Maria Isabel Sáenz de Zumarán Medeiros

Todos sabemos que a família é a base da sociedade. E sabemos também que não ajuda nada se a sociedade tem essa base fraca, não é verdade? Fortalecer as família é dar-lhe instrumentos  que as ajudará a construir uma base sólida sob a qual  seus membros se relacionarão entre si e com a sociedade ao redor de forma positiva e construtiva.  Para isso podemos lançar mão de várias ferramentas: uma boa educação, projetos do governo, programas de TV de qualidade, bons livros e publicações e etc. mas há uma ferramenta ainda mais eficaz que é um ministério na igreja que vise fortalecer a família  proporcionando programas permanentes para todos: crianças, adolescentes,  jovens, jovens adultos e principalmente programas para os casais.  Mas... a igreja da minha amiga não tem um ministério para casais!

Quantos cônjuges ali deixam de ser abençoados e edificados com tudo o que a Palavra de Deus tem para seus casamentos? Penso na consequência dessa falta de apoio, que  pode ser o enfraquecimento da união e da alegria conjugal devido às lutas do dia-a-dia, da rotina que se instala com o passar dos anos, da falta de sabedoria para resolver questões difíceis que surgem e da  falta de orientação sobre como lidar com os filhos em cada uma das etapa de suas vidas.


O fortalecimento da família é um dos segredos para que a igreja local seja  forte fazendo assim diferença na comunidade a que pertence, e a partir dela, diferença no mundo! Apoio e orientação contínua para os cônjuges e para a família  fortalece os relacionamentos marido/esposa/filhos, produzindo  famílias  fortes! E famílias fortes são a base de sociedades fortes!

Fiquei pensando sobre o  que será que acontece nessa igreja. Será falta de visão do pastor? Da liderança? Displicência com a obra  de Deus? Disputas internas? Falta de pessoas dispostas a servir nessa área? Vaidades pessoais impedindo  projetos de seguirem adiante?

Que vontade me deu de dar um "chacoalhão" nessa igreja que está "dormindo no ponto" e gritar:

"Desperta, tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e 
Cristo te esclarecerá."  Ef  5.14




>>>  LEIA OS COMENTÁRIOS  ABAIXO





2 comentários:

Luciane disse...

Desde quando um casl tem que ter um ministério dentro de sua respectiva igreja para ser feliz, bem sucedido na vida ou mesmo abençoado por Deus! Me diga em qual bilblia ou livro da biblia esta escrito isso!!! Eu e a minha família somos de uma determinada igreja evangélica lá não tem ministério para casais, poré os casais que conheço são muito abençoados por Deus porque andam segundo os conselhos deixados por Deus nosso criador a tdos os crerem nele. Meus pais por exemplo são um casl muitissimo abençoados por Deus porque Deus os concedeu vida e saúde para completarem este ano 50 anos de casados dentro da Fé cristã. A propósito acredito que dentro de uma igreja os casais não são os únicos que precisam ser abençoados por Deus e sim tdos que estão ali com um mesmo propósito de amá-lo, adorá-lo e serví-lo de um puro e sincero coração para um dia entrarem no céu. conheço muitos casais que participam de encontros de casais dentro da igreja e não vivem juntos por muito tempo. Na minha igreja não tem ministério para casais mas mediante a palavra de Deus recebem conselhos sábios assim como todos os demais que estão lá dentro.

Maria Isabel disse...

Luciane, obrigada por contribuir com teu comentário! Gostaria de ressaltar alguns pontos:
A bíblia não diz que deve haver um ministério para casais (nesses termos), porém nela há muitas orientações para os cônjuges, para os jovens, para a educação dos filhos, etc. tanto no AT como no NT, o que demonstra que a igreja de deve ter essa preocupação e nada melhor do os ministérios para isso! Você diz que os casais não devem ser os únicos que precisam ser abençoados, com o que concordo plenamente. Tanto que mencionei ministérios p/crianças, adolescentes, jovens, jovens maduros (solteiros) e acrescento ainda ministérios específicos para homens e mulheres separadamente! Estou de acordo também que existem casais felizes que nem sequer frequentam igrejas ou os ministérios de casais das igrejas. Eu mesma conheço alguns e foi por essa razão que escrevi: "E a consequência dessa falta de apoio PODE SER o enfraquecimento da união...". Sei também que há cônjuges que frequentam os ministérios de casais, vão à igreja, etc. e nem por isso são felizes. A bíblia diz que isso acontece por causa da dureza do coração do homem (Mt 19.8), e é por causa dela inclusive, que os trabalhos para casais são tão importantes, pois ou evitam que surjam situações como essa ou são instrumentos que permitem que situações como essa possam ser mudadas. Uma palestra, uma dinâmica, um acampamento de casais, que tratam a fundo assuntos como egoísmo, sexo, finanças, sinceridade, responsabilidade, manutenção (ou retomada) do romantismo, educação dos filhos, etc... podem causar um impacto tal no casal que a partir dali uma nova história possa ser escrita! Como mencionei, há várias ferramentas na sociedade que podem ajudar as famílias a se estruturarem - ou se re-estruturarem -, e é uma pena, a meu ver, que existam igrejas que não usam essa ferramenta a seu dispor. Lembremos também que semanalmente chegam às igrejas pessoas que jamais ouviram sobre os ensinamentos de Deus para a família. Chegam muitas vezes em busca de ajuda justamente por causa de casamentos problemáticos e famílias destruídas. Se existe um trabalho onde elas se sentem acolhidas em seu sofrimento, recebem aconselhamento, aprendem a lidar com a situação e/ou superar limitações pessoais que as impedem de se relacionar de maneira positiva com o cônjuge e, caso seja necessário, podem até ser acompanhadas por algum casal maduro na fé ou pelo pastor da igreja. Esses casais podem continuar crescendo como casal ao participar de seminários, palestras, workshops, acampamentos específicos etc. E mais uma vantagem: Fazem amizades com outros casais, e como sabemos a comunhão é um dos segredos da igreja para uma vida mais alegre, para desenvolver a auto-estima, para o crescimento espiritual também. Lembro também dos jovens casais, que sem receber um curso adequado pré-nupcial vão para o casamento com a idéia romântica de que tudo será um "mar de rosas" e depois de alguns meses já estão decepcionados com a realidade conjugal. Fique à vontade para comentar este assunto, mesmo que seja discordando dele, ok? Um abraço!! Isabel

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DISTO:

Related Posts with Thumbnails