segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Uma família virtual é só o que seremos?



Você
 já
se
ouviu
dizendo
frases
como
estas?





  •  "Quando a gente percebe o fim-de-semana acabou e não visitei nenhum amigo da igreja".
  • "Um dia vou convidar fulano, mas estou sempre tão cansada da correira da semana, que prefero ficar descansando e  mexendo na internet".
  • "Ah, fica chato convidar as pessoas para virem em casa e não ter nada  especial para oferecer. 
  • Nunca sobra tempo... então de vez em quando mando um scrap ou um sms..."
  • "Os aniversários e festinhas da família tomam todo nosso tempo livre, sabe, e aí a  gente não consegue mesmo estar com outros crentes".
  • "Eu sempre converso com meus  amigos de ministério pelo msn !" 


Temos tanto acesso à internet em casa, no escritório ou em lan-houses, temos tantos equipamentos eletrônicos à disposição (PCs, note books, celulares, tablets),  que temos  a impressão de estarmos  sempre unidos a nossos irmãos da igreja via  orkut, skype, torpedos,  twitter, facebook, msn , comunidades virtuais, etc.  mas na verdade não estamos coisíssima nenhuma! Não estamos ligados a eles!

Ouvimos suas vozes pelo skype, mas não os tocamos.
Teclamos com eles, mas não batemos um papo.
Nos informamos a seu respeito, mas não participamos de suas vidas.
Vemos suas fotos, mas não ouvimos suas histórias.
Rimos (rsrsrsr, asddhasdhadsdhd, hahahaha), mas não ouvimos mais o som das suas risadas.
Choramos, mas não enxugamos mais as lágrimas uns dos outros.

Gente!
Estamos nos  amoldando - tomando a forma do mundo - e usando nossos sofás só para tirar  um cochilo ou assistir TV, em vez de nos reunirmos na sala com  amigos e estamos usando nossas mesas para apoiarmos nossos notebooks em vez de compartilharmos nelas uma refeição ou um cafezinho! Nossas churrasqueiras se transformam em floreiras e nas  varandas de nossas casas não  se sentam mais nossos amigos! 

Aonde foram parar as conversas, as  trocas de idéias, os cafés com bolo nas tardes de domingo? Não sentimos mais saudades de uma  prosa sem pressa? Limitamos  nossa comunhão àquele momento em que o dirigente  do louvor diz para cumprimentar quem está do seu lado? Será que vamos mesmo conhecer de verdade  nossos irmãos naquelas  rápidas  conversas no átrio da igreja depois dos cultos? Será que o compartilhar do pão ficou  restrito à Ceia da Igreja?  A troca de experiências se resume apenas a  troca de mensagens? Expressaremos nossos pontos de vista e opiniões  apenas compartilhando mensagens no facebook e  escrevendo postagens num blog?  Criaremos intimidade reunindo-nos apenas nos grandes eventos da igreja ou em festas de aniversário?

Queridos! Nós somos irmãos! Lembrem disso? Fazemos parte de uma família!

Nós precisamos estar juntos, para juntos enfrentarmos as dificuldades quando elas chegarem, para orarmos uns com os outros e não apenas uns pelos outros, para resistirmos às tentações juntos, para prestarmos contas, para pedirmos - olho no olho - a um amigo: "Ore por mim esta semana", para sentirmos o toque da mão amiga na nossa mão como que dizendo: "Que bom ter  você na minha vida!"  e para expressarmos nossa  alegria em um forte abraço e não apenas assim    Smiley !

Não vamos nos amoldar a este mundo  virtual! Sejamos uma família real, convidando mais, fazendo mais visitas, ajeitando  nossa agenda para que nela caibam uma vez ou outra momentos preciosos com outros cristãos!

"Todos os que creram estavam juntos e tinham tudo em comum"
Atos 2.44
"Partiam o pão de casa em casa e tomavam as suas refeições com alegria e singeleza de coração"
Atos 2: 46


P.S.: Se você ainda não tomou "a forma do mundo virtual" e quer fazer  parte da "família real"... parabéns!

.......................

Aproveitando...Aceita um cafezinho... de verdade... irmão? 

Nenhum comentário:

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DISTO:

Related Posts with Thumbnails