quarta-feira, 10 de novembro de 2010

A tua "passarela" descolorirá?


Assista o vídeo  prestando atenção nos versos abaixo: 

"Nessa estrada não nos cabe conhecer ou ver o que virá.
O fim dela ninguém sabe bem ao certo onde vai dar.
Vamos todos numa linda passarela de uma aquarela,que um dia enfim,
descolorirá... "


Depois de assistir ao vídeo, volte aqui e saberá se a sua passarela será mesmo descolorida quando tua estrada chegar ao fim. 

Os autores (Toquinho e Vinícius) dizem  que não nos cabe conhecer ou ver o que virá, porém isso não é o que diz a bíblia. Deus afirma que a passarela  (nossa existência)  não chegará ao fim com a nossa morte como sugere a música. O espírito (alma) de todos nós, sem excessão, terá vida eterna e vai depender da escolha que cada um fizer   enquanto estiver nesta estrada (nesta vida) , se sua passarela  se descolorirá  (sem  alegria) ou não quando a morte chegar. 


No final de sua vida o  apóstolo João encontrava-se preso na ilha de Patmos. Ali teve uma visão na qual Jesus lhe mostrava a Nova Jerusalém - a Cidade Santa, e viu que ela nada tem de descolorida. Ao contrário! Terá o esplendor da glória de Deus que está reservado apenas para aqueles que têm o seu nome escrito no Livro da Vida, o qual pertence ao Cordeiro - Jesus - (Ap 21.27b)


Confira como é colorida a "passarela no céu", segundo a bíblia:

"Ele me mostrou Jerusalém, a Cidade Santa, que descia do céu e vinha de Deus,brilhando com a glória de Deus. A cidade brilhava como uma pedra preciosa, como uma pedra de jaspe, clara como cristal. [...]
A muralha era de jaspe, e a própria cidade era de ouro puro, claro como vidro.
As rochas do alicerce da muralha estavam enfeitadas de todo tipo de pedras preciosas. A primeira rocha estava enfeitada de jaspe; a segunda, de safira; a terceira, de ágata; a quarta, de esmeralda;
a quinta, de sardônica; a sexta, de sárdio; a sétima, de crisólito; a oitava, de berilo; a nona, de topázio; a décima, de crisópraso; a décima primeira, de jacinto; e a décima segunda, de ametista.
Os doze portões são doze pérolas. E cada um desses portões era feito de uma só pérola. A rua principal era de ouro puro, claro como vidro.(Apocalipse 21.18-21)


Se não quiser ver a tua "passarela desbotada", passando a  eternidade afastado de Deus,
deixe que Jesus escreva o teu nome no Livro da Vida, entregando-se a Ele hoje mesmo.
Afinal, não sabemos quando nossa "estrada" chegará ao fim...

(Saiba como fazer para entregar a tua vida a Jesus abrindo a página EU CREIO no início deste blog)

Aquarela

Toquinho

Composição: Toquinho / Vinicius de Moraes / G.Morra / M.Fabrizio

Numa folha qualquer
Eu desenho um sol amarelo
E com cinco ou seis retas
É fácil fazer um castelo...
Corro o lápis em torno
Da mão e me dou uma luva
E se faço chover
Com dois riscos
Tenho um guarda-chuva...
Se um pinguinho de tinta
Cai num pedacinho
Azul do papel
Num instante imagino
Uma linda gaivota
A voar no céu...
Vai voando
Contornando a imensa
Curva Norte e Sul
Vou com ela
Viajando Havaí
Pequim ou Istambul
Pinto um barco a vela
Brando navegando
É tanto céu e mar
Num beijo azul...
Entre as nuvens
Vem surgindo um lindo
Avião rosa e grená
Tudo em volta colorindo
Com suas luzes a piscar...
Basta imaginar e ele está
Partindo, sereno e lindo
Se a gente quiser
Ele vai pousar...
Numa folha qualquer
Eu desenho um navio
De partida
Com alguns bons amigos
Bebendo de bem com a vida...
De uma América a outra
Eu consigo passar num segundo
Giro um simples compasso
E num círculo eu faço o mundo...
Um menino caminha
E caminhando chega no muro
E ali logo em frente
A esperar pela gente
O futuro está...
E o futuro é uma astronave
Que tentamos pilotar
Não tem tempo, nem piedade
Nem tem hora de chegar
Sem pedir licença
Muda a nossa vida
E depois convida
A rir ou chorar...
Nessa estrada não nos cabe
Conhecer ou ver o que virá
O fim dela ninguém sabe
Bem ao certo onde vai dar
Vamos todos
Numa linda passarela
De uma aquarela
Que um dia enfim
Descolorirá...
Numa folha qualquer
Eu desenho um sol amarelo
(Que descolorirá!)
E com cinco ou seis retas
É fácil fazer um castelo
(Que descolorirá!)
Giro um simples compasso
Num círculo eu faço
O mundo
(Que descolorirá!)


Nenhum comentário:

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DISTO:

Related Posts with Thumbnails